Produtos Naturais / Suplementos Naturais

Portes de correio Grátis. Pedidos de Valor Superior a 30 Euros. Para Portugal.
Envio Gratuito. Para los pedidos superiores a 50 Euros. Para España.
Oferta de 5% na próxima encomenda. Recebe o cupão via email, após pagamento.
21 8223546 96 0489987
Use o cupão ESI10 DESCONTO EXTRA DE MAIS 10% NA MARCA ESI Até dia 31 de Agosto!

Noni ou Morinda citrifolia

Os nutrientes do sumo de noni e comportamento básico

Morinda citrifolia, normalmente conhecido por noni (da língua havaiana), nono Taiti, aal (na língua hindi), é uma pequena árvore da família das rubiaceae. A morinda citrifolia é originária do sudeste asiático, tendo sido difundida pelo homem através da Ásia Meridional, ilhas do Oceano Pacífico, Polinésia Francesa, Porto Rico e mais recentemente a República Dominicana. O Taiti continua a ser o local de maior cultivo.

O noni cresce tanto em florestas, como em terrenos rochosos, ou arenosos. É tolerante a solos salinos e certas condições de seca. É, portanto, encontrado numa grande variedade de habitats: terrenos vulcânicos, ou mesmo em terra calcária. Pode crescer até 9 m de altura e tem folhas largas, simples, de coloração verde escura, com veias vincadas. A planta dá flores e frutos durante todo o ano. As flores são pequenas e brancas. A fruta contém muitas sementes e tem um forte odor quando colhida.

Noni ou Morinda citrifolia

O noni é um alimento que pelo seu alto teor em fitonutrientes é um complemento ideal à dieta.

Escopoletina e Serotonina

A escopoletina dilata os vasos sanguíneos permitindo a passagem do sangue mais rapidamente, resultando níveis de pressão sanguínea mais baixos. Esta redução da pressão não produz níveis demasiado baixos que possam prejudicar-lhe (hipotensão), simplesmente os equilibra. Além disso, comprovou-se que a escopoletina destrói uma variedade de espécies bacterianas e é considerada uma destruidora do fungo Pythium sp. Na escopoletina também são observadas propriedades anti-inflamatórias e inibidoras histamínicas, relacionado com a dor, a artrite e as alergias. A escopoletina não só tem propriedades medicinais próprias, mas também é um dos compostos químicos dentro da fruta noni, que se mistura com a serotonina, um componente necessário que se encontra nas plaquetas do corpo humano, no forro do aparelho digestivo e no cérebro. A serotonina é uma substância mediadora, neurotransmissora, influente no estado de espírito, no ritmo do sono, na assimilação dos alimentos, na percepção da dor, no sistema nervoso central e actua como anti-depressivo e estimula a digestão.

Óxido nítrico

O noni estimula a produção do óxido nítrico, um gás que no nosso corpo cumpre inúmeras funções: dilata os vasos sanguíneos, contribuindo para normalizar a pressão arterial e a melhorar a circulação e a oxigenação, prevenindo a impotência e melhorando a memória; combate os radicais livres; evita a coagulação prematura do sangue, causadoras dos infartes cardíacos e cerebrais; estimula o sistema imunológico contra as bactérias, os vírus, as células cancerígenas; mantém os níveis de insulina no sangue, prevenindo os diabetes. Também estimula a glândula do crescimento.

Damnacantal, anticancerígeno

É uma substância que inibe a acção de um grupo de células (K-rente-NRK) responsáveis pelo cancro. Impede o crescimento dos tecidos malignos e acelera o processo de formação de novos leucócitos, ou glóbulos brancos. O damnacantal é uma antraquinona que, como indicado no ponto seguinte, tem outras funções. Os outros compostos de antraquinonas que estão presentes no sumo de noni são a rubiadina, o nor-damnacantal, a morindona e a lucidita 3-0-primeverodisa. Estes compostos também possuem uma actividade anti-tumoral de destaque, mesmo que o mais estudado tenha sido o damnacantal.

Antraquinonas, agentes antibacterianos

Os outros compostos de antraquinonas que o noni contém, destacando-se a alizarina, são agentes antibacterianos. Comprovou-se que combatem certas bactérias infecciosas: Pseudomonas aeruginosa(infecções cutâneas), Proteus morgnii, Staphylococus aureus (produtor de infecções no coração), Bacillis subtilis e Escherichia coli (infecções digestivas). Provas adicionais demonstraram que esta atividade antibacteriana controla os patógenos: Salmonela e Shigela (responsável da disenteria). Os elementos antibacterionos se relacionam com infecções na pele, resfriados, febres e outros problemas de saúde causados por bactérias. Além disso são substâncias que ajudam na digestão.

Terpenos

São substâncias que aparecem na maioria das resinas e óleos essenciais das plantas. O eugenol, com actividade germicida elevada, relaxa a musculatura lisa, interferindo na contracção muscular. Este processo exerce um efeito calmante e relaxante. Também exerce uma actividade anti-tumoral, mesmo que ainda não muito estudada. O betacaroteno é o percurssor da vitamina E e tem ainda mais actividade antioxidante que a própria vitamina. Os estudos com homens, demonstraram que grandes ingestões de betacaroteno estão associados à redução das taxas de cancro no pulmão, de pele, de cerviz, do trato respiratório e intestinal. O limoneno tem algum papel na doença de alzheimer. Os resultados demonstram que é eficaz na melhora dos sintomas da doença. O limoneno também possui um certo antagonismo à formação tumural e à actividade bacteriana. O ácido ursólico é eficaz na eliminação de infecções mitóticas e nos sintomas inflamatórios, quando aplicado topicamente. Também se demonstrou útil na leucemia, nas aids e como anti-histamínico.

Esteróis

Os três fitosteróis mais importantes são o sitoesterol, o estigmasterol e o campestol e os três encontram-se no sumo de noni, fortificando ainda mais as suas capacidades nutricionais. A ingestão de esteróis de origem vegetal, reduz a absorção intestinal do colesterol assim como do colesterol total em plaquetas e os níveis de LDL.

Outros compostos bioquímicos importantes

  • O ácido ascórbico que o noni contém é uma fonte de vitamina C.
  • Os ácidos linoléicos (este é essencial), capróico e caprílico são ácidos gordurosos que regulam a absorção intestinal As glucopiranosas regulam os níveis de açúcar
  • A acubina e o asperulósido (dois glicósidos) são antibióticos poderosos naturais
  • A morindona e a morindina foram utilizadas como corantes naturais e possuem propriedades antibacterianas
  • Os bioflavonoides são antioxidantes. Impedem a formação de radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento prematuro e degeneração das célula